30.7.11

Trancas à porta

Na noite passada alguém partiu o vidro da porta número 44 da Rua de Ceuta, entrou no edifício e roubou parte das torneiras, dos cilindros de aquecimento de água e das canalizações. O prédio, projectado pelo arquitecto Agostinho Ricca em 1953 para o Montepio Geral, é composto por seis andares com seis apartamentos T6, que estão devolutos.





O tapete da entrada havia desaparecido há muito. Hoje de manhã, ao sol, entre manchas diuréticas e um cheiro nauseabundo, provenientes da cerveja emborcada na festiva “noite do Porto”, o proprietário procedia à protecção da entrada do prédio.



Não é apenas o Porto granítico, construído no século XIX, que está moribundo; a cidade do século XX, como pode ser verificado na Rua de Ceuta apontada como “um exemplo de bom gosto urbanístico”, está há muito no mesmo caminho. Até quando?

3 comentários:

  1. Cada vez mais,infelizmente, o título deste blog traduz o "estado de depressão" que,de forma cada vez mais aguda afecta esta "nossa cidade"...
    E o que mais nos preocupa é que quem podia e devia prescrever o remédio não está minimamente interessado com o tratamento ou cura desta Invicta Cidade...

    ResponderEliminar
  2. 6 andares com 6 apartamentos T6, devolutos? E as pessoas a mudarem-se para Gaia e Matosinhos? É escandaloso e não se vê fim à vista

    ResponderEliminar
  3. Anónimo31.7.11

    Meus caros, a solução para a debandada da população do Porto é política. Agilizem os processos de licenciamento para obras baixem o IMI mudem a lei das rendas e acabem com a corrupção, de que ninguém fala mas como todos sabemos é um monstro omnipresente que mina e corrói qualquer iniciativa de desenvolvimento. O resto aparecerá com a maior das naturalidades.

    ResponderEliminar

Etiquetas

A Brasileira Avenida da Ponte Avenida de Vímara Peres Bairro do Aleixo Calçada da Corticeira Câmara Municipal do Porto Carregal Cinema Águia d'Ouro Clérigos Cordoaria Edifício Imperial Fontainhas Fontes do Porto Fontinha Grafismos Guindais Horrores urbanos à moda do Porto Jardim Botânico Largo do Moinho de Vento Largo do Terreiro Largo dos Lóios Livrarias Mamarrachos Mercado do Bom Sucesso Miragaia Monumento a António Nobre O chão surrado O Porto a oriente O Porto não é a Disneylândia O Rapto de Ganimedes Outros temas Pena Ventosa Polícia de Segurança Pública Ponte Maria Pia Porto Património Mundial Praça da Batalha Praça da Liberdade Praça da República Praça da Ribeira Praça de Almeida Garrett Praça de Carlos Alberto Praça de Gomes Teixeira Praça de Lisboa Praça do Infante Praça dos Poveiros Rua Barão de Nova Sintra Rua da Bainharia Rua da Madeira Rua da Ponte Nova Rua da Reboleira Rua das Flores Rua das Taipas Rua de 31 de Janeiro Rua de Álvares Cabral Rua de Ceuta Rua de Cimo de Vila Rua de Fernandes Tomás Rua de Gonçalo Cristóvão Rua de Miguel Bombarda Rua de Mouzinho da Silveira Rua de Passos Manuel Rua de S. Bento da Vitória Rua de S. João Novo Rua de S. Miguel Rua de Sá da Bandeira Rua de Sá Noronha Rua de Sampaio Bruno Rua de Santa Catarina Rua de Trás Rua de Trindade Coelho Rua do Almada Rua do Bonjardim Rua do Cativo Rua do Infante D. Henrique Rua dos Caldeireiros Rua dos Mercadores Rua dos Pelames Sem Abrigo Terreiro da Sé Travessa da Rua Chã V.N.Gaia Viela do Anjo Viela do Buraco Virtudes Vitória

A cidade por datas

Não deixe de visitar

Acerca de mim

A minha foto
Uma vida ao serviço da comunicação empresarial, como videógrafo, fotógrafo, designer e copywrighter.

Seguidores